sábado, 14 de novembro de 2009

SE...























Se o amor parar de me sorrir...
Ainda assim o olharei nos olhos
Falarei palavras doces
Dormirei em seu peito desnudo
O despertarei com flores e tudo.

Se o amor não mais me olhar...
Mesmo assim escreverei versos
Cantarei canções à luz da lua
Deslizarei acordes em meu violão
Só pra lembrar que ainda sou sua.

Se ainda assim ele não se importar...
Ficarei quietinha ao seu lado
Sonhando sem olhos serrados
Velando seu sono desavisado
Na esperança de vê-lo um dia
Despertar desse sono profundo.

E quando ele acordar...
Sei que me olhará ternamente
Eu sei, a gente sente!
Que o amor tem suas manhas.

Dilean de Bragança

37 comentários:

Sandra Botelho disse...

Amei teu cantinho...
Tão cheio de encantos.
amei tuas poesias.
Estarei caminhando por aqui.
bjos no coração!

Akhen disse...

Não conhecia.
Estive aqui, li os três primeiros poemas e vou voltar porque adoro boa poesia e isso eu li aqui.

Com as manhas que o amor tem, nunca se sabe o que fará ao acordar. Espero que, ternamente, fique por aqui. Ele é tão bem tratado por cá.

Paz e Luz no seu caminho

Um pouco de mim disse...

Lindo demaisss...!!! Ameiiiii! Você tem muita sensiblidade..eu gostei de te conhecer, mesmo virtualmente... grande poeta é vc! Fala com o coração. Beijos

meus instantes e momentos disse...

lindo post.
Parabens pelo teu blog.
Foi muito bom vir aqui.
Maurizio

Rui Figueiredo Vieira disse...

Muito bom este canto. Lindo. Vou voltar. Bj

Pena disse...

Oh, Maravilhosa Amiga Poetiza:
Que saudades já tinha de si e dos seus notáveis versos de encanto profundo.
Que é feito de si...?
"Confeccionou" um delicioso e soberbo poema doce de amor.
"...Se ainda assim ele não se importar...
Ficarei quietinha ao seu lado
Sonhando sem olhos serrados
Velando seu sono desavisado
Na esperança de vê-lo um dia
Despertar desse sono profundo..."

Tem uma sensibilidade de fascínio e encanto.
Mas, alguém poderá sequer pensar em não lhe dar atenção? IMPENSÁVEL.
Quem quer que seja, onde estiver, respeitá-la-á e lhe dará o seu sentimento.
Um Post sensível, terno e de imensa significação.
Beijinhos de amizade pura.
Com respeito, estima e consideração.
Sempre a lê-la atentamente pela preciosidade humana que é.
Adorei.

pena

MUITO OBRIGADO pela ternura deixada no meu blogue.
Bem-Haja, fantástica amiga de quem já tinha imensas saudades.

A Magia da Noite disse...

se um dia ele acordar, será a luz de seu olhar.

Priscila Bispo - disse...

Você é sempre uma querida!

;)

Joni Bigoo disse...

Como poderia alguém dormir assim?
Onde a coerencia fica até confusa...
Teria eu uma insonia infinda
Ao ouvir cânticos da prórpia musa

Isidro Jesus Cedrés González disse...

Amiga, en amor todo es hemoso, pero en tu pluma se destila la sencibilidad que tranmites a los que tenemos la suerte de leerte.
Cuando se escribe con el corazón la pluma rubrica con sangre.
Mucha suerte, que Dios te bendiga.
Un abrazo.
Jecego.

Souza disse...

adorei

:)

tenha uma otima semana

Sonia Pallone disse...

Com certeza querida, o amor é manhoso, faceiro, e está sempre a espreita de um coração desavisado... Um beijo grande lindona, obrigada pela visita sempre tão prazerosa no meu Solidão. Beijos.

Marisa Vieira disse...

"Eu sei, a gente sente!
Que o amor tem suas manhas.
"

Que delícia querida!
Lindo
beijo da Marisa

Mågø Mër£Îm disse...

Alem de manhoso, o amor é mimado e carente...rs

Lindo o texto!

Felicidade Clandestina. disse...

Essas manhas de amor :)
Adorei mesmo.

Bjos ternos :**

José Ramón disse...

Um blog muito interessante.

Greetings from a criatividade ea imaginação das fotos Jose Ramon

Isidro Jesus Cedrés González disse...

Amiga, me encantan tus poemas en los pones toda, o casi toda, tu alma.
Felicidades, y que la ssuerte te siga ayudando.
Jecego.

PD.
Gracias por visitar mi blog. es como un lucero en mi cielo oscuro.
Jecego.

Souza disse...

adorei o seu blog

tuas poesias são realmente interessantes
estarei passando aqui sempre q poder

abrações e tenha uma boa semana

Mário Margaride disse...

Olá Dilean!

Obrigado, pela tua visita ao meu blog. Adorei este lindo cantinho de poesia. Muita ternura, muito carinho e muito amor nos teus poemas.

Vou seguir o teu blog, e adicionar aos meu favoritos.

Beijinhos

Mário

Sonhadora disse...

Lindos poemas ,adorei
Vou voltar
Um beijo
Sonhadora

Sandokan disse...

Anda, amor; dá-me a tua mão!
Passemos a ponte e vamos à fonte
da devoção.

O sol vai a monte!
Passemos a ponte!
Dá-me a tua mão...sente o coração!

É lindo o passeio
Deste nosso enleio.
Saltemos! Corramos!
Vamos pelas margens, nas nossas viagens!

Nas margens do lago, onde agora estamos,
É o teu afago, que diz onde vamos.

O lago é o poiso do cavalo alado...
Sinto-me voar, nesse teu olhar!

Não posso fugir! Não quero cair!
Tu estás a zelar, p´ra me proteger...

- Lara Alves disse...

Adorei ler seu comentário no # folha de pimenta - e gostei muito do seu blog tbém.
Bjoos ;*

Mário Margaride disse...

Olá!

Voltei, para reler este belo poema, e deixar-te um beijinho.

Mário

Sonhos e Devaneios disse...

Se o amor parar de te sorrir talvez seja por que ele esta a renascer em outro alguem....basta apenas observar melhor que ele sempre estara presente em sua vida

beijos joao

Mário Margaride disse...

Olá!

Aqui estou de novo, minha amiga, para me deliciar com este belo poema...

Beijinhos

Mário

Mário Margaride disse...

Olá!

Aqui estou de novo, minha amiga, para me deliciar com este belo poema...

Beijinhos

Mário

O Profeta disse...

quanta beleza...


Doce beijo

SONHADORA disse...

UM...QUE LOUCURA...
VOU SEGUIR

BEIJO

Principe Encantado disse...

Sensacional muito lindo, perseverá, esta é a questão a qualquer preço no encontro do verdadeiro amor.
Abraços Forte

O Profeta disse...

Um formoso menino estava mesmo alí
Tocou de leve o lado esquerdo do meu peito
Olhou-me com um luminoso sorriso
Deixou-me sem fala, sem jeito

Deixou-me no apagar de uma vela
Olhei novamente o mar
A calmaria voltou como por encanto
Mil criaturas inundaram-me o olhar

Golfinhos felizes assobiaram
A cria de uma baleia acenou-me
Uma andorinha do mar poisou no parapeito da janela
Uma maravilhosa e antiga história sussurou-me

As estrelas brilharam no celeste
A Lua estendeu seu manto de fino lusr nesta cena
Adormeci na imensidão deste mundo
No embalo de...Uma Noite Serena...


Uma noite serena

Um bom final de ano e luminoso 2010

Um terno beijo

Mário Margaride disse...

Querida amiga

Que este Novo Ano de 2010, te traga as maiores felicidades, com muita paz, amor e muita saúde.

Obrigado, pela tua amizade.

Feliz Ano de 2010!

Beijinhos

noticias disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Bigoo disse...

Que ao ano de 2010 e todo o sempre te traga a inspiração que nos agrada a cada poesia!!! Bjos! Vê se aparece!!

Sandokan disse...

Às vezes é preciso abanar a árvore da existência para caírem as folhas velhas. Talvez seja por isso que eu não quero saber quem pintou o céu de azul, mas eu quero é o resto da tinta, porque nós podemos matar o tempo, mas é sempre ele que nos enterra.
Gostei muito de vir aqui visitar o teu belo espaço. No carácter, na conduta, no estilo, em todas as coisas, a simplicidade é a suprema virtude. O destino une e separa pessoas. Mas nenhuma força é tão grande para fazer esquecer pessoas, que por algum motivo um dia nos fizeram feliz!
Boa semana!

Paulo Tamburro disse...

lindo poema.

venha conhecer meu blog.

é de humor .

e de graça!

um abração carioca.

Musikar - Ouvir Musicas Gospel disse...

Olá tudo bem!
Meu nome é Paulo Freitas sou responsavél pelo portal de música gospel (www.musikar.com.br) estou lhe convidando a fazer parte da nossa lista de parceiros e ajudar a divulgar o portal MUSIKAR, adicione nosso banner (pegue na nossa pagina inicial) e nos avise em seguida que adicionamos um link apontando para seu site em nossa lista de blogs parceiros.
Parceria que ajudará ambas as partes!

Desde Já agradeço pela sua atençâo.

Garret Bragança disse...

Lindo!